Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MÁRIO SILVA "navegando" em ... águas frias

"Navegando" no Reino Maravilhoso por Terras de Monforte, especialmente na Aldeia de Águas Frias - Chaves - Trás-Os-Montes - PORTUGAL

MÁRIO SILVA "navegando" em ... águas frias

"Navegando" no Reino Maravilhoso por Terras de Monforte, especialmente na Aldeia de Águas Frias - Chaves - Trás-Os-Montes - PORTUGAL

24
Jun20

Faveira e a sua flor


Mário Silva Mário Silva

 

 

 

Faveira e a sua flor

 

Fava é a denominação de um ou mais espécies de plantas da família das Fabaceae, em especial da espécie Vicia faba.

As flores, hermafroditas e grandes, dispõem-se em cachos pedunculados. Possuem corola papilionácea branca, com asas anegradas. Os estames são diadelfos, em geral dez ou mais de dez. A floração ocorre quase todo o ano.

DSC07125_ms

As favas são originárias do Próximo-Oriente segundo os primeiros restos arqueológicos datados de seis a sete mil anos A.C.

A sua utilização como alimento foi, entretanto, disseminada pela região mediterrânica, tendo o Império Romano tido um papel importante no aumento do seu consumo.

As expansões marítimas dos Reinos Ibéricos terão feito chegar a fava à América.

No presente o seu consumo é global.

 

🌼

Ver também:

https://www.facebook.com/mario.silva.3363

https://aguasfriaschaves.blogs.sapo.pt

https://mariosilva2020.blogs.sapo.pt

https://www.flickr.com/photos/7791788@N04/

https://www.youtube.com/channel/UCH8jIgb8fOf9NRcqsTc3sBA?view_as=subscriber

 

🌼          🌼

 

 

18
Abr20

Águas Frias (Chaves) - ... ser transmontano ...


Mário Silva Mário Silva

 

 

SER TRANSMONTANO
 
 
Nasci numa linda aldeia
Protegida pela serra
Como uma mãe protege um filho
Juntinho ao seu coração.
 

Águas Frias (Chaves) - ... uma visão parcial da Aldeia ..

... uma visão parcial da Aldeia ...

 
Cresci a contemplar
Essa beleza sem par.
Pé descalço calcurreei os montes
Apanhando a lenha que aquecia
As longas noites de inverno
 
E no verão matava a sede
Com a água fria das suas fontes.
 

Águas Frias (Chaves) - ... os raios de sol rasgando por entre as nuvens, em dias de primavera ...

... os raios de sol rasgando por entre as nuvens, em dias de primavera ...

 
Enchido o caixote de lenha
No alto junto à capela
Parava para admirar
Aquela terra tão bela
Que um dia iria deixar.
 
Fui à escola e aprendi a ler
Mas cedo tive de enfrentar
Aquilo que a minha terra
Não tinha para me oferecer.
 

Águas Frias (Chaves) - ... gravelho ou cravelho ...

... gravelho ou cravelho ...
 
 
Tive de abandonar o lar
Quando ainda era menino
Com a minha mãe a chorar
Temendo pelo meu destino.
 
Parti para outras terras 
Com um aperto no coração
Onde tive de ser adulto
Quando na cabeça ainda tinha
O arco, a bola de trapos e o pião.
 
Esperava-me trabalho duro
Do nascer ao pôr do sol
Depois de um esforço tamanho
À noite tinha de dormir
Numas palhas estendidas
No chão térreo de um cardanho.
 

Águas Frias (Chaves) - ... Andorinha-das-chaminés (Hirundo rustica) ...

... andorinha-das-chaminés (Hirundo rustica) ...
 
 
Aí tive de passar
Parte da minha mocidade
Até que o meu pai me disse:
Meu filho, vou-te arranjar
Um trabalho na cidade.
 
Para trás deixei a Flávia
Terra de grande beleza
Onde o verde dos seus vales
Contrasta com a pobreza
Dos que têm que amanhar
A vinha que é dos outros
Para o seu pão conquistar.
 

Águas Frias (Chaves) - ... pormenores numa casa na Aldeia ...

... pormenores numa casa na Aldeia ...

 
Parti então para a cidade
Transportando na bagagem
Muitos sonhos e esperanças
E uma grande coragem
Para enfrentar a saudade
Dos meus tempos de criança.
 
Vim encontrar na cidade
Novos e grandes problemas.
Sozinho tive de enfrentar
Toda a adversidade
De quem tem que trabalhar
Longe da sua família
Sem ninguém para o ajudar.
 

Águas Frias (Chaves) - ... "eu vi um ninho" ...

... "eu vi um ninho" ...
 
 
Mas com grande determinação
Venci a adversidade
E aqui vim encontrar
Depois de muito lutar
A minha felicidade.
 
Agora ainda me lembro
Da minha querida aldeia
Dos meus pais e dos meus irmãos
E dos serões à luz da candeia.
 

Águas Frias (Chaves) - ... Pisco de peito ruivo - Erithacus rubecula ...

... pisco de peito ruivo - Erithacus rubecula ...
 
 
Foi daí que eu herdei
Um grande calor humano
E aos ombros carreguei
Pelas terras por onde andei
 

Águas Frias (Chaves) - ... enxertando castanheiros novos ...

... enxertando castanheiros novos ...

 
 
Um grande orgulho de ser Transmontano.
 
Joaquim S. Coutinho

 

 

Até breve !!!

 

 

                 

14
Mar20

Águas Frias (Chaves) - ... A Neve Branca das Cerdeiras (Cerejeiras) ...


Mário Silva Mário Silva

 

 


A NEVE BRANCA

DAS CERDEIRAS

(CEREJEIRAS)

 

Águas Frias (Chaves) - ... a maravilha das cerejeiras em flor ...

 ... a maravilha das cerejeiras em flor ...

 

Só quem não sabe a terra que pisa se pode admirar deste março, marçagão com manhãs de inverno e tardes de verão, do friozinho nocturno, das intermitências de chuva, e, também, das abertas de sol que logo põem um frémito de esperança na aspereza do tempo.

 

Águas Frias (Chaves) - ... os "pinchéis" - flor campestre que anuncia a chegada da primavera ...... os "pinchéis" - flor campestre que anuncia a chegada da primavera ...

 

A neve branca das cerejeiras, como eu costumo chamar, às flores brancas que povoam agora o lugar do Passal e aqui e além pelos campos da Aldeia.

Águas Frias (Chaves) - ... as amarelas mimosas e brancas flores de árvores de fruto, alindam a perspetiva da torre sineira da igreja ...... as amarelas mimosas e brancas flores de árvores de fruto, alindam

a perspetiva da torre sineira da igreja ...

 

Por vezes ando por esse território de fantasia, assim podemos dizer, e mais uma vez aquele sentimento de deslumbramento me encheu os olhos.

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma velha nora que já tirou muita água para regas os terrenos envolventes ...

... uma velha nora que já tirou muita água para regas os terrenos envolventes ...

 

É decerto uma coisa estupenda poder caminhar pelos pomares, rodeado de milhares de flores brancas, descobrir pequenos detalhes na paisagem, tentar arquivar na memória, tanto quanto for possível, esse sortilégio, como coisa pessoal e intransmissível.

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma casa na Aldeia ...

... uma casa na Aldeia ...

 

A mancha branca, que domina o Passal, apesar da chuva insistente, resiste. Todos os dias, que posso, para lá olho e fico feliz por elas resistirem. Penso, aliás, que o cartaz atravessa também as quatro estações.

 

Águas Frias (Chaves) - ... castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional), por entre as árvores ainda despidas ...

... castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional), por entre as árvores ainda despidas ...

 

Vemos as flores e estamos já a sonhar com as cerejas vermelhas e depois porventura com o outono na Aldeia que é outra imagem mágica.

 

Águas Frias (Chaves) - ... cavando a terra seca ...... cavando a terra seca ...

 

Poucas árvores têm tanta presença na cultura. Desde "O Cerejal", de Tchekov, àquela mítica canção da Comuna com que Yves Montand nos fazia bater mais depressa o coração, "Le Temps des Cerises", até à poesia em que a cereja se transforma abundantemente em metáfora de amor.

 

Águas Frias (Chaves) - ... perdiz, olhando de lado, com ar desconfiado ...... perdiz, olhando de lado, com ar desconfiado ...

 

"Haver no fundo um templo ou uma casa

é ter consigo, amante, uma cereja aberta

onde é madeira ao centro e solução

do suco rosa e negro  onde se abrasa

e torna leve e limpo, e mal desperta

se torna coração"

 

Texto adaptado de Fernando Paulo Louro

Original in: http://www.fernandopaulouro.com/2016/04/a-neve-branca-das-cerejeiras.html

 

 

Até breve !!!

 

 

   

 

 

 

22
Fev20

Águas Frias (Chaves) - ... a névoa ... o "mar" de Trás-Os-Montes ...


Mário Silva Mário Silva

 

... a névoa ...

... o "mar" de Trás-Os-Montes ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... a névoa - o mar de Trás-Os-Montes ...... a névoa - o mar de Trás-Os-Montes ...

 

Desce a névoa da montanha

 

Águas Frias (Chaves) - ... é preciso limpar o terreno das ervas daninhas, para se poder iniciar as sementeiras e plantações ...

 ... é preciso limpar o terreno das ervas daninhas, para se poder iniciar as sementeiras e plantações ...

 

“A névoa involve a montanha,
Húmido, um frio desceu.
O que é esta mágoa estranha
Que o coração me prendeu?

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma casa que ainda nos relembra o passado da Aldeia ...

... uma casa que ainda nos relembra o passado da Aldeia ...

 

Parece ser a tristeza
De alguém de quem sou actor,
Com fantasiada viveza
Tornada já minha dor.

Águas Frias (Chaves) - ... os pote de ferro, em lareira limpa ...

... os potes de ferro, em lareira limpa ...

 

Mas, não sei porquê, me dói
Qual se fora eu a ilusão;
E há névoa em tudo o que foi
E frio em meu coração.”

Novas Poesias Inéditas. Fernando Pessoa

Águas Frias (Chaves) - ... a igreja matriz banhada pela luz brilhante dos esporádicos raios de sol ...... a igreja matriz banhada pela luz brilhante dos esporádicos raios de sol ...

 

Em 1930, Fernando Pessoa publicou num do jornal açoriano um poema até então inédito. “Névoa” apareceu junto a “Minuete Invisível”, que tinha sido apresentado pela primeira vez no primeiro (e único) número da Portugal Futurista, e a um texto de apresentação assinado pelo jornalista Rebelo de Bettencourt.

 

Águas Frias (Chaves) - ... o gato apanhando os preciosos raios de sol em dias de inverno ...

... o gato apanhando os preciosos raios de sol em dias de inverno ...

 

Depois dessa data, o poema não voltou a ser publicado. Caiu no esquecimento, até que um investigador o encontrou, por acaso, mais de 80 anos depois.

Águas Frias (Chaves) - ... uma antiga varanda (que penso que já não existe) ....... uma antiga e tradicional varanda transmontana (que penso que já não existe) ....

 

Agora, entrou finalmente para o corpus pessoano, ao ser incluído no mais recente volume da edição crítica da Imprensa Nacional-Casa da Moeda (INCM).

 

Águas Frias (Chaves) - ... o pôr do sol, atrevido, em dias de inverno ...

... o flamejante pôr do sol, atrevido, em dias de inverno ...

 

 

Até breve !!!

 

 

 

 

 

 

 

25
Jan20

Águas Frias (Chaves) - ... a tradicional matança do porco ...


Mário Silva Mário Silva

 

A TRADICIONAL MATANÇA DO PORCO

 

Águas Frias - ... a tradicional matança do porco ...

... a tradicional matança do porco ...

 

Gordo, gordinho, matulão, o porco chega ao terreiro, conduzido por aquele que havia de lhe pôr termo aos dias de ceva. Mirones, apesar do chuvisco frigidíssimo. Motivo para estar ali um garrafão encarapuçado por um púcaro de alumínio. «Vai um?» «Claro!» Dantes, já lá vão uns anitos, quando eu assistia ao ritual, reparava em um ou dois molhos de palha que se destinavam a faxucar o animalzinho; agora olho, com alguma nostalgia, para uma botija de gás. O fumo da palha tinha outro encanto, carregada que era de símbolos sacrificiais.

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma vista "apertada" de uma parcela da Aldeia ...

... uma vista "apertada" de uma parcela da Aldeia ...

 

Um facalhão, tachos, um balde e a senhora ......., lesta, apesar da idade, a encher um regador no fontanário próximo. «Vamos a isto, rapazes» – voz de comando do senhor ....... que prende uma corda na boca do animal, segurando-a bem entre as duas queixadas. «E o banco? Traga o banco», diz a afanosa ........ «Qual banco, responde o dono. – Vai ser aí em cima do muro».

E eu a cismar: aquele bloco ancho de cantaria sempre tinha mais parecença com uma pedra de ara.

 «Espere aí: deixe-me beber mais uma pucarada» – voz de um rapazola que esfregou as beiças com as costas da mão.

Águas Frias - ... a lua entre os pinheiros ...

... a lua entre os pinheiros ...

 

O porco, desconfiado do sítio, tinha fossado uma borda de rango e leitugas, abrindo-lhe um sulco direito de sachola. Os cochilros que inundavam a parede espreitavam a cerimónia. Quatro homens aferraram-se ao colosso e foi então que o berreiro a sério começou. A proximidade do sacrifício é o melhor estímulo da sensibilidade.

Aguas Frias - ... levando a vaquinha para um melhor pasto ...

... levando a vaquinha para um melhor pasto ...

 

 

As mãos dos homens confundiram-se num momento com as da besta. A razão e a força. As queixas de um na ufania do outro. Sempre assim foi – pensaria uma leituga prostrada na lamiça. Ao tempo em que a senhora ........ aparava o sangue ainda vivo num tacho, frémitos de cozinha alegravam o coração dos circunstantes. Alguém voltara os olhos, quando o facalhão perfurou a peitaça do animal. «Ora, não sejas maricas» – teve de ouvir.

 

Águas Frias - ... os grelos floridos colorindo a visão da Aldeia ...

... os grelos floridos colorindo a visão da Aldeia ...

 

 

«Venha o maçarico, venha o maçarico». E o fogo acendeu júbilos novos nas sedas do ridente chacim. Amolecido com água quente, o couro foi raspadinho com lascas de pedra rugosa e, logo a seguir, pendurado na loja onde o tal maricas se pôs a farejar. Pudera! Já a senhora ........ descia com uma travessa de bolos de bacalhau e fatias de salpicão a dizerem «comei-me».

 

Águas Frias - ... um caçador e os seus cão (mas ão vislumbro caça nenhuma) ...

... um caçador e os seus cão (mas não vislumbro caça nenhuma) ...

 

 

Sape, gato – voz a ralhar a um ougado, porque o senhor magarefe ainda estava rec-rec com a alimária. Sape, gato – repetiu a patroa, ao descer novamente as escadas com um açafate de trigo de quartos numa mão e uma caçarola de sangue cozido com alho picado na outra. Já o tal se havia desougado, fazendo mão baixa à travessa.

 

Águas Frias - ... pela rua da Lampaça ...

... pela rua da Lampaça ...

 

 

Interim, ........ tinha aberto o formoso bestigo, de alto a baixo, e fazia a colheita do interior. Primeiro, as tripas, que encheram um balde; depois, a colada: fígado, pulmões e coração. Finalmente, os untos ou banha que, depois de atravessar três bilhardas à entrada da barriga, para efeito de arejamento, deixou a pingar de uma delas.

Águas Frias - ... Papa-moscas (comum)  Ficedula hypoleuca  Pied flycatcher ...

... Papa-moscas (comum) Ficedula hypoleuca Pied flycatcher ...

 

 

«Tens-me cá uma colada», ouvi uma mulher dizer ao tal que parecia maricas e que acabava de abichar uma rodela de salpicão. Vim a saber que o que ela queria dizer era que o outro era um mandrião. Comia e dormia. Como o porco. A gente riu-se. E, quando mestre .......... acabou de lavar as mãos, fiquei admirado por ele não meter à boca mais do que um bolo de bacalhau, recusando os pedaços quentinhos de sangue cozido – que para mim estavam uma delícia.

 

 


António Cabral [1931-2007] foi um poeta, ficcionista, cronista, ensaísta, dramaturgo, etnógrafo e divulgador da cultura popular portuguesa.
in: "Tradições populares"https://www.antoniocabral.com.pt/matanca-do-porco/   



 

 

Até breve !!!

 

 

 

 

21
Set19

Águas Frias (Chaves) - ... A Aldeia e o Dia Mundial da Gratidão ...


Mário Silva Mário Silva

 

 

... A Aldeia

e o

Dia Mundial da Gratidão ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... folhas de "parreira" (videira) - "Vitis vinifera", com as suas cores vivas mas indicando o fim da sua função ...

... folhas de "parreira" (videira) - "Vitis vinifera", com as suas cores vivas mas indicando o fim da sua função ...

 

 

 

 

O Dia Mundial da Gratidão celebra-se a 21 de setembro.

O verbo do Dia Mundial da Gratidão é agradecer. Neste dia, as pessoas são convidadas a agradecer a todos aqueles que fazem parte das suas vidas.

Este é o dia do ano de parar e de refletir em tudo o que de bom há na vida, um gesto que acaba por ter impacto no bem-estar da pessoa e por fazê-la mais feliz.

Por isso, para celebrar esse dia, envie mensagens de agradecimento aos seus familiares e amigos.

Demonstre às pessoas especiais o quanto elas são importantes para si, mas não se deixe ficar por aí: sorria e agradeça a todos os que o rodeiam e a todas as pessoas com que se cruza. Contribuirá para a alegria dos outros e também para a sua.

 

Origem do Dia Mundial da Gratidão

Este dia teve origem em 1965 no Havaí, onde se realizou um encontro internacional sobre a ideia de tirar um dia do ano para agradecer formalmente por todas as coisas de bem que se encontram no mundo.

De regresso à casa, no ano seguinte, no mesmo dia 21 de setembro, muitos dos participantes no encontro mantiveram o gesto. Desde então, o Dia Mundial da Gratidão ganhou mais adeptos, passando a se celebrado um pouco por todo o mundo.

in:https://www.calendarr.com/portugal/dia-mundial-da-gratidao/

 

Águas Frias (Chaves) - ... Castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional) ...

... Castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional) ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... ave "curiosa" - Papa-moscas-preto "Ficedula hypoleuca" ... ...

... ave "curiosa" - Papa-moscas-preto "Ficedula hypoleuca" ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... carregando um trator de lenha, que o frio não tardará a vir ...

... carregando um trator de lenha, que o frio não tardará a vir ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... paisagem do início do outono ...

... paisagem do início do outono ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma vista da Aldeia desde a Rua do Carril ...

... uma vista da Aldeia desde a Rua do Carril ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... escadas (escondidas) de acesso `da Rua da Paz à Rua de Cimo de Vila ...

... escadas (escondidas) de acesso da Rua da Paz à Rua de Cimo de Vila ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... um cogumelo Frade "macrolepiota procera",  pois já vai começar o aparecimento destes fungos ...

... um cogumelo Frade "macrolepiota procera",

pois já vai começar o aparecimento destes fungos ...

 

 

Até breve !!!!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

15
Set19

Aguas Frias (Chaves) - ... A Aldeia e o Dia Internacional da Democracia ...


Mário Silva Mário Silva

 

... A Aldeia e

o Dia Internacional da Democracia ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... fim de tarde e ramos secos ...

... fim de tarde e ramos secos ...

 

***************

 

O Dia Internacional da Democracia celebra-se uma vez por ano: a 15 de setembro.

A ONU declarou em 2007 o dia 15 de setembro como o Dia Internacional da Democracia em referência à adoção em setembro de 1997 da "Declaração Universal da Democracia" pela União Interparlamentar (UIP).

O objetivo da criação desde dia é promover a democratização e a observação dos direitos e liberdades do homem. Nesta data é feito um convite às nações e às organizações para que realizem iniciativas que promovam os valores universais da democracia junto das populações.

As celebrações centram-se em Nova Iorque, na sede da ONU.

Como comemorar?

Neste dia pode aproveitar para visitar o parlamento ou para reunir-se com algum deputado. Pode escrever sobre a democracia, falar sobre a democracia com os filhos, votar online nalguma eleição ou sondagem aberta, juntar-se a um partido político, iniciar a sua própria candidatura a um cargo, entre outras sugestões de comemoração.

Temas

Todos os anos o Dia Internacional da Democracia celebra-se com um novo tema.

  • 2016 - "Democracia e a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável"
  • 2015 - "Espaço para a Sociedade Civil"
  • 2014 - "Envolver os jovens na Democracia"
  • 2013 - "Reforçando vozes para a Democracia"
  • 2012 - "A Democracia como um caminho para a saúde de todos"

In:https://www.calendarr.com/portugal/dia-internacional-da-democracia/

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma vista de parte da Aldeia ...

... uma vista de parte da Aldeia ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... borboleta ("Argynnis paphia") em flor de cardo ("Cynara cardunculus") ...

... borboleta ("Argynnis paphia")

em flor de cardo ("Cynara cardunculus") ...

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... A igreja Matriz, vista por entre o arvoredo ...

... A igreja matriz, vista por entre o arvoredo ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... regando as couves, acabadas de plantar ...

... regando as couves, acabadas de plantar ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... porta de acesso à torre de menagem do Castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional)

... porta de acesso à torre de menagem do Castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional) ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... casas na Aldeia ...

... casas na Aldeia ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... uma casa (isolada) na Aldeia ...

... uma casa (isolada) na Aldeia ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... o tanque do fundo da Lampaça ...

... o tanque do fundo da Lampaça ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... regando o milho ...

... regando o milho ...

 

 

Até breve !!!

 

 

 

 

 

 

 

 

08
Set19

Águas Frias (Chaves) - A Aldeia e ... o Dia Internacional da Literacia ...


Mário Silva Mário Silva

 

Dia Internacional da Literacia

 

Águas Frias (Chaves) - ... pôr do sol por entre a folhagem ...

... pôr do sol por entre a folhagem ...

 

**********

O Dia Internacional da Literacia celebra-se a 8 de setembro.

 

O objetivo da data é destacar a importância da literacia para as pessoas e para as sociedades.

Numa sociedade moderna, tecnológica e avançada, estima-se que cerca de 800 milhões de pessoas adultas ainda não sabem ler nem escrever, enquanto mais de 122 milhões de crianças em idade escolar não vão à escola.

As mulheres constituem dois terços da população analfabeta mundial.

 

O relatório PISA (Program for International Student Assessment) 2012 apontou Portugal como o segundo país que melhor combateu o insucesso escolar no novo milénio (em 17 países analisados).

 

O dia mundial da literacia foi criado pela UNESCO em novembro de 1965 e celebrado pela primeira vez em 1966.

 

A UNESCO realiza anualmente uma cerimónia de entrega de prémios de literacia internacional.

in:https://www.calendarr.com/portugal/dia-internacional-da-literacia/

 

Águas Frias (Chaves) - ... pormenor de varanda de casa na Aldeia ...

... pormenor de varanda de casa na Aldeia ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... borboleta ("Melanargia galathea") entre as plantas campestres ...

... borboleta ("Melanargia galathea") entre as plantas campestres ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... parede interior (esquerda) da Igreja matriz da Aldeia ...

... parede interior (esquerda) com os seus altares, da Igreja matriz da Aldeia ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... ave de rapina observando no topo de um pinheiro ...

... ave de rapina ( águia-de-asa-redonda - "Buteo buteo"),

observando, no topo de um pinheiro ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... nicho "Alminhas" ...

... nicho "Alminhas", no Rossio ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... armazém envolto em vegetação, com a Igreja Matriz, espreitado ao fundo ...

... armazém envolto em vegetação, com a Igreja Matriz,

espreitado ao fundo ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... flor campestre, já seca ...

... flor campestre, já seca ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... burro ("Equus africanus asinus"), espojando-se na terra (para se ver livre das moscas) ...

... burro ("Equus africanus asinus"), espojando-se na terra

(para se ver livre das moscas) ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... jogo do "chino", em frente do café do "Russo" (colocar o pino em pé) ...

... jogo do "chino", em frente do café do "Russo"

(colocar o pino em pé) ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... vista sobre a "pequena mas bela Aldeia transmontana ...

... vista sobre a "pequena mas bela Aldeia transmontana ...

 

Até breve !!!

 

 

 

 

 

 

31
Ago19

Águas Frias (Chaves) - ... agosto passou ("férias"), mas a Vida continua ...


Mário Silva Mário Silva

 

... agosto passou ("tempo de férias"), ...

mas a Vida continua ...

e a Aldeia reduziu a sua população para 1/10 ...

... ficaram os "valentes resistentes" ...

 

 

 

 

Águas Frias (Chaves) - ... As telhas numa rua da Lampaça ...

... As telhas numa rua da Lampaça ...

 

Águas Frias (Chaves)  - ... a primeira "garage" na Aldeia, encastrada entre as fragas ....

... a primeira "garage" na Aldeia, encastrada entre as fragas ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... arrancando uma batatitas ...

... arrancando uma batatitas ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... batente, ... que já não bate ....

... batente, ... que já não bate ....

 

Águas Frias (Chaves) - ... a "ex" escola e o portão de entrada em ferro trabalhado ...

... a "ex" escola e o portão de entrada em ferro trabalhado ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... o Castelo de Mnforte de rio Livre (monumento nacional) no alto da serra do Brunheiro ...

... o Castelo de Monforte de Rio Livre (monumento nacional) no alto da serra do Brunheiro ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... um abelheruco (Merops apiaster), atento para ver onde pode "apanhar alimento" ...

... um abelheruco (Merops apiaster), atento para ver onde pode "apanhar alimento" ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... borboleta pousada na flor de cardo ...

... borboleta pousada na flor de cardo ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... pôr do sol e a ave que passa ...

... pôr do sol e a ave que passa ...

 

 

Até breve !!!!

 

 

 

 

 

21
Ago19

Águas Frias (Chaves) - ... afinal o que é ÁGUAS FRIAS !!!!...


Mário Silva Mário Silva

 

ÁGUAS FRIAS, não é só um conjunto de casas na base do Brunheiro e o seu Castelo de Monforte de Rio Livre, de onde teve a sua origem.

A Aldeia é muitíssimo mais:

* é a sua igreja;

* é a sua Escola e Cantina Escolar;

* são os seus cruzeiros;

* são os seus nichos (demonstrando a religiosidade da população antiga e atual (cada vez menos);

* são os seus campos agrícolas (cada vez menos);

* são os seus velhos tanques e fontes (cada vez menos);

* são as suas vinhas (cada vez menos);

* são as suas ribeiras (cada vez mais secas);

* são as suas casas tradicionais (já raras ou em ruínas);

* é toda a sua fauna (animais, dos minúsculos aos corpolentos) e flora (desde a minúscula planta às imponentes árvores - embora cada vez, com mais espécies em extinção, devido às caçadas descontroladas, incêndios e uso indescreminado de inseticidas e pesticidas ;

* mas é essencialmente a sua população (cada ano mais reduzida, pois os jovens "fugiram" para ter uma melhor qualidade de vida, para os grandes centros urbanos e estrangeiro) ...

* é a esses valentes "resistentes" que ainda dão alguma Vida à Aldeia, nos 11 meses do ano, que a Aldeia ainda vai sobrevivendo, lutando contra as adversidades do esquecimento da interioridade e recebe com entusiasmo os que regressam no mês de férias ou os persistentes que ousam "investir" para terem um local onde se sentem bem, e que esporádicamente "voltam" à sua (ou não) "Terra".

É este conjunto de fatores e muitos mais que fazem a Aldeia ... Por isso é que as "recordações" que vou deixando neste espaço não são somente casas e ruas. Se formos atentos, Águas Frias tem muitos encantos que poderemos descobrir ...

 

No seu conjunto, ÁGUAS FRIAS, é uma linda e agradável, aldeia transmontana.

 

Águas Frias (Chaves) - ... vista (quase geral) da Aldeia ...

... vista (quase geral) da Aldeia ...

Águas Frias (Chaves) - ... torre sineira da igreja matriz ...

... torre sineira da igreja matriz ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... boeboleta e abelha partilhando o polén das flores campestres de amarelo vivo ...

... borboleta e abelha partilhando o polén das flores campestres de amarelo vivo ("Dittrichia viscosa" _ "False Yellowhead")...

 

Águas Frias (Chaves) - ... vista do interior da igreja desde o coro ...

... vista do interior da igreja desde o coro ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... Arrancando batatas com as ganchas ...

... arrancando batatas com as guinchas ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... Três cabecitas de andorinhas dos beirais (Delichon urbicum), no ninho, esperando que os progenitores lhes tragam alimento ...

... três cabecitas de andorinhas dos beirais ("Delichon urbicum"), no ninho, esperando que os progenitores lhes tragam alimento ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... torre de menagem do castelo de Monforte de Rio Livre, por entre o verdejante arvoredo ...

... torre de menagem do castelo de Monforte de Rio Livre, por entre o verdejante arvoredo ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... Andorinha-das-chaminés (Hirundo rustica) ...

... Andorinha-das-chaminés ("Hirundo rustica") ...

 

Águas Frias (Chaves) - ... Flores campestres ...

... flores campestres (Consolida Regalis) ...

 

 

Até breve !!!

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

LUMBUDUS

blog-logo

Hora em PORTUGAL

Calendário

Setembro 2020

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

O Tempo em Águas Frias

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.