Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MÁRIO SILVA "navegando" em ... águas frias

"Navegando" no Reino Maravilhoso por Terras de Monforte, especialmente na Aldeia de Águas Frias - Chaves - Trás-Os-Montes - PORTUGAL

MÁRIO SILVA "navegando" em ... águas frias

"Navegando" no Reino Maravilhoso por Terras de Monforte, especialmente na Aldeia de Águas Frias - Chaves - Trás-Os-Montes - PORTUGAL

Águas Frias - Outubro 2020

25
Abr14

40 anos desde a revolução dos Cravos de 25de abril de 1974 - DIA DA LIBERDADE


Mário Silva Mário Silva

40 anos
desde a
Revolução dos Cravos
(25 de abril de 1974)

CANTAR A LIBERDADE

 

«Trova do Vento que Passa»

 

Pergunto ao vento que passa
notícias do meu país
e o vento cala a desgraça
o vento nada me diz.

 

Pergunto aos rios que levam
tanto sonho à flor das águas
e os rios não me sossegam
levam sonhos deixam mágoas.

 

Levam sonhos deixam mágoas
ai rios do meu país
minha pátria à flor das águas
para onde vais? Ninguém diz.

 

Se o verde trevo desfolhas
pede notícias e diz
ao trevo de quatro folhas
que morro por meu país.

 

Pergunto à gente que passa
por que vai de olhos no chão.
Silêncio -- é tudo o que tem
quem vive na servidão.

 

Vi florir os verdes ramos
direitos e ao céu voltados.
E a quem gosta de ter amos
vi sempre os ombros curvados.

 

E o vento não me diz nada
ninguém diz nada de novo.
Vi minha pátria pregada
nos braços em cruz do povo.

 

Vi minha pátria na margem
dos rios que vão pró mar
como quem ama a viagem
mas tem sempre de ficar.

 

Vi navios a partir
(minha pátria à flor das águas)
vi minha pátria florir
(verdes folhas verdes mágoas).

 

Há quem te queira ignorada
e fale pátria em teu nome.
Eu vi-te crucificada
nos braços negros da fome.

 

E o vento não me diz nada
só o silêncio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

 

Ninguém diz nada de novo
se notícias vou pedindo
nas mãos vazias do povo
vi minha pátria florindo.

 

E a noite cresce por dentro
dos homens do meu país.
Peço notícias ao vento
e o vento nada me diz.

 

Mas há sempre uma candeia
dentro da própria desgraça
há sempre alguém que semeia
canções no vento que passa.

 

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não.

Manuel Alegre

25
Abr12

Águas Frias (Chaves) - 25 de Abril


Mário Silva Mário Silva

Hoje comemora-se o 25 de Abril que em 1974 que devolveu a liberdade a um povo oprimido.

 

 

Relembro esta data pois foi depois dela que se deu oportunidade como esta, a divulgação de um blog, sem qualquer restrição ou sensura, sendo a responsabilidade do que escrevo ou publico da minha inteira responsabilidade e dando oportunidade a que quem quer que seja, possa emitir as suas opiniões e sugestões sobre o mesmo.

 

 

25 de abril

 

 

Dia da Liberdade

 

 

 

 

 

25
Abr09

Águas Frias (Chaves) - 25 de Abril de 1974


Mário Silva Mário Silva

Já se passaram 35 anos desde a Revolução dos Cravos, que derrubando o Estado ditatorial de Marcelo Caetano, deu origem ao regime democrático que vigora até aos dias de hoje.

Após o 25 de Abril de 1974, muito mudou,  ... muitas expectativas foram criadas ...

 

Muito haveria a dizer sobre a evolução dos tempos desde essa altura, mas penso que este não é o espaço mais apropriado para tecer essas considerações.

Mas uma mudança diz respeito a este e outros espaços idênticos - a Liberdade de expressão.

 

Antes desta época, embora não houvessem estes meios informáticos, toda a escrita era "vista", "revista" e censurada se algo não correspondia aos ideais do Regime ditatorial (hoje chamado "Antigo Regime" ou "Tempo da outra Senhora").

 

Hoje, pelo menos posso com inteira liberdade escrever o que penso e divulgar esses pensamentos, críticas ou simples descrições sem "o lápis azul da Censura", podendo chegar a qualquer parte dio mundo, sem um "corte", sem "emendas" ou "correcções".

 

Aqui sou Livre. 

 

Por isso tomei a liberdade de compilar em vídeo, algumas fotos, cartazes e músicas de Abril de 1974.

Para alguns, os mais velhos, poderão reviver o dia e os tempos que se lhe seguiram; para os mais novos poderá ser o conhecer (por imagens o dia e o pulsar do POVO. Os seus slogans "O povo é quem mais ordena"; " A terra a quem a trabalha"; "O Povo unido jamais será vencido", ....

 

 

Nota: Antes de visualizar o vídeo e para ouvir somente o som do vídeo "25 de Abril de 1974" deverá ir até ao fim da página - até "Sonoridades de Águas Frias" e parar o som de fundo do blog, carregando no STOP do leitor que se encontra nesse espaço (caso não o faça será audível uma mistura, desagradável, de duas músicas ao mesmo tempo - a do vídeo e a do blog). Volte novamente a este post e carregue no símbolo  para iniciar a visualização do vídeo.

 

 

 

 

 

 

 

Que o espírito de Abril nunca se apague......

 

 .

.

 

Mais sobre mim

foto do autor

LUMBUDUS

blog-logo

Hora em PORTUGAL

Calendário

Novembro 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

O Tempo em Águas Frias

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.